0
Carrinho

Não existem quaisquer items no carrinho

Nutrição

O que é a dieta dos 31 dias? Dicas e truques

A dieta dos 31 dias trata-se de um programa alimentar adaptado aos hábitos alimentares dos portugueses.

O método também é inspirado em dietas proteicas como Atkins e a South Beach.

Assim sendo, uma grande característica da dieta dos 31 dias é a diminuição considerável da ingestão de hidratos de carbono e o estímulo ao consumo de proteínas, que são apontadas como capazes de prolongarem a sensação de saciedade no organismo graças ao facto de demorarem mais tempo para serem digeridas.

Esta dieta não é para ser levada até ao resto da vida, esta é apenas o ponto de partida para depois conseguir perder, por exemplo, 20 quilos.

 Esta dieta permite comer as proteínas (carne, peixe) livre de gorduras visíveis. 

Podemos comer todo o tipo de carnes, pois esta é uma dieta feita para a pessoa aguentar muito tempo e que possa almoçar com os amigos e com a família. Ou seja, nao deixamos de comer carne, mas vamos saber é o que depois podemos juntar à carne. Quanto aos peixes também é permitido todo o tipo de peixes. 


Algumas das regras básicas desta dieta:

  • Não ingerir hidratos de carbono ‘’isolados’’: quando falamos de hidratos de carbono falamos de pão, arroz, batata, massas, feijão, grão, fruta, e não podemos ingerir estes alimentos sozinhos;
  • Optar por hidratos de carbono de absorção mais lenta. Todos os alimentos de absorção mais rápida estimulam o apetite e passamos o resto do dia com fome.
  • Reduzir a quantidade de ovos, lacticínios, carne, peixe e marisco

Com esta dieta é permitido comer pão, mas apenas ao pequeno almoço. Já os lacticínios devem ser em doses controladas.

A dieta é dividida em quatro etapas:

 Fase inicial , é a mais rígida, dura 15 dias e exclui o consumo de carboidratos (apenas é permitido o pão e só ao pequeno almoço).

Nesta primeira fase existem outros alimentos que podem ser ingeridos, mas em doses reduzidas, como leite, iogurte e queijos magros.

Existem, no entanto, alimentos proibidos nesta primeira fase como: arroz, feijão, massa, batata óleos, margarinas, feijão, grãos, milho, ervilhas, favas, lentilhas, cenoura cozida, abóbora, beterraba, bolachas, cereais, farinhas, açúcar, bebidas alcoólicas, sumo (mesmo os naturais), molhos, fruta e sopas.

Quanto aos alimentos que são permitidos nesta fase:

  • Carnes
  • Peixes
  • Mariscos
  • Conservas como atum
  • Ovos
  • Mortadela
  • Presunto de peru, frango ou porco
  • Presunto sem gorduras
  • Todas as verduras e legumes – com exceção daquelas que aparecem na lista de proibições da primeira fase
  • Gelatina
  • Chá
  • Café
  • Temperos
  • Especiarias

Na  segunda fase da dieta , que se estende por 15 dias ou até atingir o peso que desejas, já é permitida a introdução de alguns carboidratos.

Aqui, os alimentos são os mesmo da fase anterior, com a diferença da introdução, ainda que gradual, de sopas e frutas.

Em relação às frutas, podemos comer uma maçã, uma pera, uma laranja, um pêssego, dois kiwis ou duas tangerinas sempre depois do almoço e do jantar ou entre as refeições e nunca devem ser comidas sozinhas, podendo ser acompanhadas com um queijo fresco.

Na  terceira fase , também chamada de fase alternativa, acontece quando a pessoa já está cansada da segunda fase e caso encontre-se a poucos quilos de atingir o seu objetivo, no entanto, ainda não tenha eliminado todos os quilos desejados.

Aqui já se podem incluir alimentos como arroz, massa integral, feijão, grãos, milho, ervilhas, cenoura cozida, abóbora, beterraba, favas, lentilhas e batata-doce ao almoço.

É também nesta fase que devemos começar a praticar atividade física, no caso dela já existir, o treino deve ser intensificado.

A  quarta fase , chamada a fase de manutenção, é quando já estamos satisfeitos com o peso alcançado. Aqui já podemos incluir tudo na nossa alimentação, incluindo os alimentos anteriormente proibidos, ainda que sempre de forma controlada.
Esta dieta não deve ser feita por adolescentes, nem por diabéticos nem por pessoas com problemas de fígado e rins.

Bibliografia

Livro A Dieta dos 31 Dias de Agata Roquette

Sem Etiquetas



Sara Rodrigues

Sara Rodrigues

Escritor

Açoriana de 26 anos a terminar a Licenciatura em Direito, na Universidade Católica Portuguesa. Apaixonada por exercício físico e futebol. A minha maior terapia é treinar diariamente, porque o que um dia parecia impossível hoje é o meu aquecimento.