Nutrição

Dieta pós parto: Como emagrecer?

Depois do parto é normal que a mulher queira perder alguns quilos que ganhou a mais durante a gravidez e recuperar a silhueta que tinha antes de engravidar, não só faz bem à sua saúde bem como à sua auto-estima.

No entanto nesta fase do pós-parto é  desaconselhável fazer dietas restritivas para não prejudicar o bebé na amamentação .

A dieta pós-parto deve conter alimentos ricos em cereais, frutas, legumes, peixe, líquidos, leite e derivados porque são estes alimentos ricos em nutrientes que vão ajudar a mulher a recuperar a forma e também corresponder às necessidades energéticas da amamentação.

Fique a conhecer algumas dicas que podem ajudá-la a recuperar a sua silhueta de uma forma saudável e responsável.


Alimentação Saudável

Nos primeiros meses, se estiver a amamentar, vai sentir muita fome, opte por alimentos ricos em vitaminas e pouco calóricos, como saladas, frutas e peixe.

Confecionar as refeições sem refogados ou fritos, prefira as refeições grelhadas ou cozidas a vapor, para tempero utilize apenas um fio de azeite e alho.

Opte por cereais integrais ( massa, arroz integral, pão escuro) pois vão ajudar na regulação do funcionamento do intestino.

Beber muita água (cerca de 2 litros) é outro elemento fundamental, ajuda no normal funcionamento de bexiga e intestino, bem como para manter a produção de leite para amamentar o seu bebé.

Escusado será dizer que o álcool, refrigerantes ou sumos concentrados estão fora da dieta.

Nutrição

As Maravilhas da Água | Benefícios da Hidratação

2017-09-18 17:13:01Por Myprotein


Manter-se activa para gastar mais calorias

Se não têm tempo para ir ao ginásio, isso não é desculpa ou problema para se manter activa.

Se não existir alguma contra-indicação médica, pode fazer alguns exercícios para a ajudar a recuperar a tonicidade e força muscular.

Deve fazer estes exercícios apenas depois do primeiro mês pós-parto. Se puder, deve amamentar o seu bebé.

As mães que amamentam têm uma maior probabilidade de voltarem ao seu peso habitual mais rapidamente nos primeiros 3 a 4 meses.

Mas não se deve focar neste princípio, mas sim em manter uma alimentação saudável e uma actividade física regular.


Não siga dietas agressivas

Durante a gravidez e o pós-parto são períodos contra indicados para seguir dietas restritivas, pois este tipo de dietas “ proíbem “ a ingestão de nutrientes que podem interferir no desenvolvimento do bebé e posteriormente na amamentação.

Nutrição

7 dicas para emagrecer sem dieta

2018-04-14 17:52:32Por Helena Kostina

Este tipo de dietas não trazem qualquer tipo de benefícios a médio/longo prazo. Coma com bom senso, mastigue bem e lentamente osso alimentos, evite alimentos calóricos e processador, não salte refeições.

Com este conjunto de “regras” os benefícios a médio/longo prazo vão ser muitos e a sua saúde vai agradecer.


Ler os rótulos nutricionais

Deve dar especial atenção ao valor energético, proteínas, hidratos de carbono, lípidos e fibra.

Na maior parte dos casos, o açúcar vem dissimulado em produtos como sacarose, frutose, glicose, etc. Atenção ao açúcar.

Não compre alimentos com gorduras processadas, hidrogenadas e industriais, o organismo não as consegue transformar. Prefira alimentos com baixo teor em lípidos e açúcares, e com elevado teor em fibras.


Comer de 3 em 3 horas

Deve comer uma dieta equilibrada que inclua proteínas, hidratos de carbono e gorduras saudáveis, e assim evitar ataques de fome ou quebras de energia.

Deve comer de 3 em 3 horas e não apenas quando sente fome. Se for “atacada” pela fome durante os intervalos das refeições principais opte por uma peça de fruta, batido energético ou iogurte magro.

A perda de peso pós-parto é um processo lento e gradual. Com os cuidados certos, pensando na sua saúde e do seu bebé irá conseguir perder o peso e recuperar a sua silhueta certamente.

 


 



Telmo Almeida

Telmo Almeida

Escritor

Grande apaixonado de nutrição, fitness e lifestyle e ainda gosto por escrever. Fundador e blogger do blog La Dolce Vita Health.