Suplementos

Os melhores suplementos para vegetarianos

Como vegetariano e praticante de desporto já te deves ter questionado a ti mesmo, “como vou conseguir ter proteína suficiente na minha dieta?” Com cada vez mais pessoas a levarem uma dieta baseada em plantas, este é um tema interessante a ser discutido.

Primeiramente vamos separar aqueles que não comem carne ou peixe em dois grupos:

– Veganos: excluem todo o tipo de produtos que tenham origem animal

Ovo-lacto-vegetarianos: não comem carne e peixe, mas comem produtos lácteos e ovos

Mesmo que não sejas vegetariano, optares por consumir mais proteína de origem vegetal é uma boa escolha, e vais aumentar a variedade dos macronutrientes na tua dieta.


O que é a proteína afinal?


A proteína é constituída por 22 aminoácidos. Estes são os tijolos que constroem o teu corpo. A proteína tem várias funções, desde construir e reparar o tecido muscular, está envolvida na reparação dos glóbulos vermelhos, na regulação hormonal, e estes são apenas alguns exemplo.

suplementos vegetarianos

 

 

 

 

 

 

Podemos dividir a proteína em dois grandes grupos: a proteína vegetal e a proteína animal. A proteína animal é completa, o que significa que tem todos os aminoácidos, enquanto que a de origem vegetal é por norma incompleta, contendo apenas parte dos aminoácidos. O argumento contra as proteínas vegetais é a sua menor biodisponibilidade (mais difíceis de digerir e por isso menos disponíveis). No entanto a chave para uma dieta baseada em vegetais é a variedade. Ao ingerires várias fontes proteicas asseguras que estás a ingerir todos os aminoácidos que precisas.


Como conseguir a proteína suficiente e os 22 aminoácidos


Ser um vegetariano ou vegano vai muito além de apenas retirar os produtos de origem animal da dieta. Tens de ter organizar e assegurar que estás a ingerir proteína suficiente diariamente, além de todos os 22 aminoácidos. Isto é particularmente importante para quem treina, pois o corpo requer mais nutrientes para a reparação muscular.

Os vegetarianos que optem por ingerir ovos e produtos lácteos têm mais opções para conseguirem proteína completa. Ovos, queijo quark, iogurte grego. São alguns dos exemplos de boas fontes proteicas de um vegetariano.

As fontes proteicas dos vegetarianos e veganos incluem lentilhas, feijões, grão, frutos secos ou soja. Outra forma de conseguirem mais proteína, é através de cereais como quinoa e arroz. A soja e a quinoa são proteínas completas, fazendo delas excelentes opções.

A suplementação com proteína em pó é uma outra forma fácil e conveniente de assegurarmos a ingestão necessária de proteína. Para aqueles que permitem produtos lácteos na sua dieta, a proteína whey é uma forma conveniente e excelente de adicionar uma das melhores fontes proteicas disponíveis à dieta. Mas caso prefiras fontes proteicas sem origem láctea, o que tens disponível?

blended-powders-4

 

 

 

 

 

 

 

 

 


Suplementos vegetarianos


Proteína de ervilha

A proteína isolada de ervilha é uma fonte vegetal que oferece uma excelente perfil nutricional e de aminoácidos. Isenta de lactose, glúten, soja e colesterol, é uma proteína absorvida lentamente pelo sistema digestivo, alimentando-te ao longo do dia por várias horas.

Proteína de arroz

É um fonte proteica também isenta de lactose, glúten, soja e colesterol. É também hipoalérgica e rica em fibra.

Proteína de soja

É uma das principais escolhas proteicas dos vegetarianos. Tem um perfil de aminoácidos completo, isenta de lactose e glúten, e tem ainda uma velocidade de absorção moderada no organismo.

Proteína de cânhamo

Outra boa opção como fonte proteica, rica em aminoácidos essenciais, enzimas, vitaminas, minerais e ácidos gordos essenciais. É uma proteína cheia de benefícios, a não perder como fonte vegetal.

Sem Etiquetas



MrProtein

MrProtein

Escritor


Quais são os produtos preferidos dos nossos leitores?👀 Clica e descobre 🚀