Treino

Exercício físico para ficar em forma física e mentalmente

Nos tempos que correm, a angústia e o cansaço, começam a cada vez mais serem  fatores relevantes para um breakdown psicológico e o nosso corpo dá sinais de que necessita de um estímulo.

Uma das melhores soluções para evitar estes problemas é fazer exercício físico. Fazer exercício físico permite-nos, não só melhorar toda a nossa condição física e alterar toda a nossa estrutura corporal, mas também nos ajuda a acreditar que nós conseguimos melhorar cada vez mais.

Segundo alguns estudos, o exercício físico é considerado  a forma mais natural que existe de combater o mal-estar, permitindo também o ganho de agilidade e de força, a redução de fragilidade óssea, e, um fator fundamental para o teu dia a dia, a diminuição do teu cortisol   permitindo que te sintas mais ativo, mais contente e mais determinado. Ao baixares o teu cortisol vais aumentar a tua dopamina.

O que é a dopamina?

Bem, podíamos falar de forma mais elaborada e científica sobre este neurotransmissor, mas, resumindo, é aquela sensação quando estás alegre ou feliz.

Assim, ao praticares exercício físico e sentires aquela sensação de realização e de objetivo cumprido, estarás a alimentar a produção de dopamina.

Um dos principais truques para termos motivação, é sobretudo termos um objetivo. Seja perder peso, ganhar massa muscular ou até melhorar o nosso tempo de corrida ou de caminhada, temos algo em que devemos acreditar.

Neste sentido devemos criar uma estratégia “Mindset”, como, por exemplo, escrever o nosso objetivo e focarmo-nos nele com convicção.

Ao estabelecermos um objetivo, torna-se essencial cumprir horários adequando a nossa gestão pessoal e profissional com o ginásio ou exercício físico.

Etapas da motivação:

Determinação (ter um objetivo e sentirmo-nos com imensa vontade de o cumprir)

Sacrifício (1º desafio no qual o corpo irá reagir com dores e o nosso foco eventualmente poderá perder-se mas aqui vamos mostrar de que fibra somos)

Devoção (o teu bem-estar e o teu corpo começam a sofrer alterações e começas a ficar cada vez mais convicto que a tua estratégia está a funcionar)

Goal ( objetivo cumprido)

Para te ajudar na parte motivacional tenta ter um fitness buddy, ou seja, um parceiro de treino.

Teres um parceiro de treino traz-te inúmeras vantagens, como, por exemplo, estabelecer um compromisso, e aqui as redes sociais podem-te ajudar, na medida que podes sempre combinar com antecedência ou em cima da hora.

Treino

Auto-motivação | 10 dicas simples: de motivado a dedicado

2018-03-06 15:12:09Por Bernardo Lourenco

Outra vantagem é fazer de um treino algo motivacional, criando  uma “competição saudável” entre os dois podendo-te ajudar  a fazer mais umas repetições que achavas que não conseguias, aqueles metros que te faltavam ou aqueles segundos que restavam.

No fundo será a tua “boa consciência” a querer motivar-te.

Por incrível que pareça, teres um fitness buddie faz-te estar mais tempo no ginásio, originando uma maior concentração, maior desempenho e um maior esforço perante o objectivo de plano de treino.



Bernardo Lourenco

Bernardo Lourenco

Editor e Escritor

Apaixonado por content marketing e por futebol. Criar conteúdo com elevada qualidade e que faça os leitores querer voltar ao blog todos os dias é o meu maior objectivo. É o que me guia todos dias. Conseguir criar uma experiência imersiva e duradoura com os leitores seria como marcar um golo da final de uma competição europeia!