0
Carrinho

Não existem quaisquer items no carrinho

Treino

Overtraining | O que é? Sintomas

Muitos de nós já sentiram ou acharam que estavam em overtraining. É muito importante conhecer o corpo, e perceber quando é a altura de descansar, em particular quando tens uma vida tão activa quanto a intensidade dos teus treinos.

Vamos explorar neste artigo sinais e sintomas de overtraining, e assim perceberes se chegou o momento de descansar um pouco.


Sinais e sintomas de overtraining


#1 Fadiga

Um dos sinais mais óbvios que estás em overtraining é a fadiga. Claro que há uma grande diferença em estar cansado ou a sofrer de overtraining, por isso qual é a diferença?

Por vezes podes estar apenas particularmente cansado devido a uma sessão de treino específica, mas isto não é um sinónimo de overtraining.

Os sinais de overtraining comuns quando falamos em fadiga é quando a mesma persiste fora dele.

Ficas cansado muito rapidamente no ginásio? Sentes-te mais cansado que o normal no trabalho? Pensa nestes sintomas para assim definires se precisas ou não de um grande descanso.

overtraining

#2 Falta de motivação

Quando entras no ginásio, fazes isso de forma confiante e motivada para o treino? Ou pelo contrário, arrastas-te, e preferias estar em casa sentado no sofá a descansar? Se te encontras nesta situação podes estar a precisar de descanso. Mas atenção, não confundas isto com preguiça.

A motivação é muito importante para alcançares os teus objectivos fitness, e se a mesma te está sempre em falta algo precisa ser mudado.

#3 Dores musculares fora do normal

As dores musculares são perfeitamente normais, e não significam que estás em overtraining.

As dores que sentes nos dias seguintes ao treinos não podem continuar durante a semana inteira. Se tens dores que pioram cada vez que treinas, se não consegues recuperar entre treinos, possivelmente estás em overtraining.

Por vezes os teus músculos e articulações precisam de tempo para descansar e recuperar da carga e resistência a que forma submetidos. Isto permite que as fibras musculares se reparem, e se tornem mais fortes.

#4 Adoecer com facilidade

Todos ficamos doentes, e claro que o overtraining não é o culpado, mas pode ter a sua parte de culpa. Caso estejas em overtraining o teu corpo pode ficar com o sistema imunitário enfraquecido, por não ter tempo suficiente para recuperar.

Quando o teu corpo não está no seu melhor, não é tão forte fisicamente e mentalmente, e isso faz com que adoeça mais rapidamente. Isto é resultado do cortisol estar demasiado alto.

O cortisol alto leva à desactivação dos mecanismos de regeneração do corpo, deixando-te mais vulnerável a doenças.

overtraining


Efeitos secundários do overtraining


✓ Psicológicos

A forma simples de olhares para o overtraining e perceberes o que é, resume-se a fazer algo em demasia. Neste caso é o treino. Por isso se realmente és um fã do fitness não te esqueças de descansar.

Por vezes podes sentir que o teu treino foi menos eficaz que o treino anterior, por isso podes sentir que não estás a ter progresso, mas na realidade podes apenas precisar de descanso. Permite que o corpo descanse, e depois então volta à intensidade normal dos teus treinos, e assim mostrares ao teu cérebro que é momento para recuperação e aliviar o stress.

✓ Fisicamente

Se estás a treinar em demasia podes estar sujeito a lesões, e podes facilmente “rasgar” um músculo, ou magoar seriamente uma articulação.

Quando o teu corpo está preguiçoso, simplesmente ele não consegue manter o nível que exiges dele. É aqui que acontecem lesões, pois tu não queres treinar menos do que da última vez, mas o teu corpo simplesmente não aguenta.


Como evitar o overtraining?


Para evitar maus treinos, falta de motivação e lesões, dá descanso ao teu corpo. Percebe o que ele precisa, e dá-lhe isso.

A partir daí define as tuas pausas, e não tenhas receio em treinar com intensidade, pois terás uma estrutura bem organizada de treino e descanso.

Sem Etiquetas




Aproveita já as nossas seleções de Natal Clica e descobre 🚀