Uncategorized

Libertação miofascial em casa | Técnica e benefícios

A libertação miofascial com rolos de espuma é uma prática bastante comum entre atletas, treinadores e terapeutas. No entanto hoje em dia tornou-se algo bastante comum entre comuns praticantes de ginásio.

Para aqueles menos familiarizados com esta técnica, este artigo vai de uma forma simples oferecer a teoria básica por trás desta técnica de recuperação, e salientar todos os seus benefícios.


O que é a libertação miofascial?


É uma técnica de auto manipulação muscular, para reduzir a dor muscular, que vai quebrar “nós” nos músculos, ou tecido cicatrizado de lesões.

miofascial

 

A libertação miofascial pode ser realizada com a utilização de um rolo de espuma, uma bola de hóquei ou mesmo com a própria mão. Os tolos de espuma são altamente versáteis, e podem ser utilizados praticamente em qualquer parte do corpo.

Os nós musculares surgem em áreas onde as fibras musculares estão muito tensas.

Isto causa uma restrição na irrigação sanguínea, privando as células de oxigénio e nutrientes essenciais.

Facilmente os nós musculares provocam dor em outras áreas do corpo.

Um factor conhecido que provoca nós musculares é o excesso de recrutamento muscular.


Como funciona?


Estudos demonstram que a pressão aplicada sobre uma determinada parte do corpo com um dos os instrumentos acima referidos, consegue de facto quebrar os nós e tecido cicatrizado.

miofascial

A boa notícia acerca da libertação miofascial é que não precisas de passar horas e horas em cima de um rolo a esmagar-te os músculos. Uma massagem de cerca de 30 segundos em cada área é suficiente.

Um ponto importante é que uma libertação miofascial realmente bem feita não tem de ser dolorosa. Se causar imensa a dor possivelmente estaremos a fazer mais mal do que bem. A sensação deve ser de alívio à medida que fazemos a massagem, provocando alguma dor inicialmente, mas nada que não se suporte.


Porque razão devo fazer? Benfícios


 

Os nós musculares são bem comuns em praticantes de ginásio. Os músculos que são muito recrutados facilmente se tornam rígidos e encurtados, e estas restrições biomecânicas podem levar a deficiência nos movimentos, além de aumentarem o risco de lesão.

miofascial

Por isso, se vais com regularidade ao ginásio, deves também fazer com regularidade libertação miofascial, e assim vais evitar dores e lesões que te condicionarão os treinos.

A dor muscular pós treino também é outro problema que pode ser contornado ao fazerem estes exercícios. A libertação miofascial vai estimular a circulação sanguínea e a entrega de oxigénio às células, o que é crítico para uma boa recuperação muscular.


Conclusão


É um tipo de treino que deves incluir na tua rotina. Com o tempo vais perceber as tuas necessidades, e melhorando a técnica, tirando assim total partido do movimento. Vais reduzir o risco de lesão, e aumentar o rendimento no ginásio, melhor é impossível.

Sem Etiquetas



MrProtein

MrProtein

Escritor


Quais são os produtos preferidos dos nossos leitores?👀 Clica e descobre 🚀