Nutrição

Dieta Cetogénica | O que é cetose, corpo cetónico e cetonas?

A cetose é um estado metabólico que ocorre quando os corpo cetónicos no sangue ultrapassam os níveis considerados normais. O corpo entra num estado de cetose, onde essencialmente queima gordura como a principal fonte energética.

Mas o que é realmente a cetose? Como ocorre e como vai ajudar na perda de gordura?


O que são cetonas e corpos cetónicos?


As cetonas (também conhecidas por corpos cetónicos) são formadas quando as gorduras são utilizadas como combustível. O corpo vai por norma obter a energia que necessita dos hidratos de carbono, mas quando estes não existem em quantidade suficiente a gordura é metabolizada.

cetose

Os corpos cetónicos podem-se acumular no corpo. Níveis alto de cetonas são tóxicos e podem levar a problemas como a cetoacidose. É uma condição que acontece em diabéticos do tipo 1 e pode ser fatal. No entanto para quem não sofre de diabetes não tem com o que se preocupar.


O que é e como funciona a cetose?


Numa dieta normal com hidratos de carbono acontecem muitos processos no organismo. O primeiro é a subida dos níveis de glucose no sangue. Isto acontece porque esse tipo de dieta é rico em glucose, então faz todo o sentido que os níveis no sangue também acabem por subir.

Como resultado disto o pâncreas vai segregar insulina para contra atacar os níveis de glucose elevados.

A insulina guia a glucose para as células do corpo que a vão armazenar na forma de glicogénio. Alguma da glucose será utilizada como energia para os processos naturais do nosso corpo, outra será apenas armazenada.

Em adição, se os níveis de glucose caem o pâncreas vai libertar uma hormona chamada de glucagon. Esta hormona quebra as reservas de glicogénio em glucose e assim podem ser utilizadas como energia.

cetose

Numa dieta cetogénica estes processos não acontecem. As reservas de glicogénio vão começar a ser utilizadas assim que precisemos de glucose como fonte de energia. Sempre que estas reservas não sejam recuperadas, teremos que utilizar ácidos gordos como a nossa fonte de energia.

Os ácidos gordos que estão armazenados nos nossos adipócitos são mobilizados durante a betaoxidação. Durante este processo os corpos cetónicos são libertados do fígado. Isto acontece porque o fígado não os consegue utilizar, por isso eles são enviados para o cérebro onde são usados como energia.

Os ácidos gordos que tenham sido libertos também podem ser utilizados como combustível, que é essencialmente quando a gordura é “queimada.

Que benefícios tiramos então da cetose?

Queima de gordura

Um dos maiores benefícios que podes retirar da cetose é a utilização da gordura como fonte de energia. É algo difícil de ser feito numa dieta que seja alta em hidratos de carbono. Durante a cetose o corpo tem a capacidade de se tornar uma mais eficiente máquina de queima de gordura.

Baixos níveis de insulina

Outro benefício de estar em cetose é o corpo libertar menos insulina. Isto é benéfico porque a insulina pode inibir a utilização de ácidos gordos como fonte de energia, além de promover a acumulação de gordura. E mais, baixos níveis de insulina permitem que hormonas anabólicas sejam libertadas no nosso corpo.

vitaminas

✓ Supressão do apetite

Quem segue uma dieta cetogénica sente menos fome quando em comparação com quem segue uma dieta rica em hidratos de carbono.

Poupa a proteína

A proteína pode ser oxidada para gerar glicose quando não temos hidratos de carbono suficientes para gerar energia. Quando seguimos uma dieta cetogénica devido à abundância de ácidos gordos e proteína não precisa de ser oxidada.

Sem Etiquetas